Geovana e Coletivo estreiam no Sesc Bom Retiro

No dia do aniversário de São Paulo, o Coletivo Sindicato do Samba se apresentou no Sesc Bom Retiro. O show foi ma-ra-vi-lho-so e contou com a participação da querida Geovana.

No sábado do dia 25/1, o Coletivo cantou muitos sambas paulistanos para celebrar o aniversário de 466 anos da cidade de São Paulo.

No palco do Sesc Bom Retiro, ainda tivemos a honra de receber a cantora e compositora Geovana, uma das mestras do nosso Coletivo.

Confira abaixo algumas fotos do Rafael Luvizetto desse dia tão especial!

Ah! E muito obrigado a toda equipe do Sesc pelo convite e parceria! 😉 Até a próxima!

Brilha Sol para 2020 pisar no chão com força

Disco da madrinha Geovana tem estreia prevista para o final do primeiro semestre de 2020.

Convagar e com muito trabalho, comunicamos que o disco #BrilhaSol, da cantora e compositora Geovana, será lançado entre os meses de maio e junho! 🙂

Assim, que tivermos as informações precisas, divulgaremos aqui e em nossas redes 😉

Ah! Benfeitores e benfeitoras que participaram da campanha, fiquem atentos às caixas de e-mail, pois recentemente enviamos trecho de uma música inédita – só para vocês hihihihi 🙂

Abaixo, algumas fotos deste processo de gravação e uma das músicas já em primeira mão!

Chama-se “Atabaque das Antilhas”, uma faixa que também faz parte da coletânea do Prêmio Grão de Música 2019 e que você pode escutar clicando aqui! 😉

Geovana no Biriguibam Estúdio passando música para gravação do disco Brilha Sol (Foto: Rafael Luvizetto/Coletivo Sindicato do Samba)
Uma das participações do “Brilha Sol” é da cantora Fabiana Cozza (Foto: Rafael Luvizetto/Coletivo Sindicato do Samba)

 

 

Coletivo celebra aniversário de 2 anos da Tamarineira

No dia 15 de setembro, o Coletivo se juntou a vários bambas para celebrar mais um aniversário da Tamarineira, importante reduto cultural e do samba na cidade de São Paulo.

A roda do Coletivo foi um luxo só! Foram várias participações especiais e esse encontro maravilhoso entre Geovana e Aldo Bueno. ❤

 

Geovana e Aldo Bueno se encontram na roda do Coletivo Sindicato do Samba na Tamarineira (Foto: Guilherme Lacerda)

Geovana será convidada de Curumin no Coala Festival

Uma das atrações do Coala Festival, que acontece em setembro em São Paulo, será a madrinha Geovana, convidada em show de Curumin.

Deusa Negra do Samba Rock, Madrinha do Coletivo Sindicato do Samba e Rainha do Partido Alto, Geovana será a convidada especial do baterista e compositor Curumin no Coala Festival, que acontece nos dias 7 e 8 de setembro, no Memorial da América Latina, em São Paulo.

Para adquirir ingressos e obter mais informações clique aqui.

Alô, liderança! Tá esperando o quê?

Faltam apenas alguns dias para acabar o financiamento coletivo para o projeto #BrilhaSol ☀ que irá gravar o novo disco da cantora e compositora Geovana. A meta é atingir a meta mínima até o dia 11 de abril.

www.benfeitoria.com/geovanabrilhasol

Conhecida como Deusa Negra do Samba Rock, a carioca Geovana despontou em 1971, quando consagrou-se vencedora da Bienal de Compositores com o clássico “Quem tem carinho me leva”:

Conviveu com a alta nata da música brasileira, nomes como Elis Regina, Silas de Oliveira, Pixinguinha e Donga, por exemplo. Gravada por artistas como Clara Nunes, Martinho da Vila e Wilson Simonal, Geovana é autora, ao lado de Beto sem Braço, de um dos sambas de maior sucesso, “Irene”, que ficou imortalizada com o grupo Fundo de Quintal.

www.benfeitoria.com/geovanabrilhasol

Organizado pelo Coletivo Sindicato do Samba, o projeto #BrilhaSol ☀ marca o retorno da compositora aos estúdios, mais de 30 anos após seu último trabalho, realizado em 1987.

Sem apoio ou patrocínio, o financiamento coletivo foi a alternativa encontrada para viabilizar a gravação do disco que terá um repertório totalmente inédito.

www.benfeitoria.com/geovanabrilhasol

Importante ressaltar que os participantes do projeto, além de viabilizarem o mesmo, também ganham recompensas e prendas especiais como Cds autografados, camisetas e, até, encontros com a própria Geovana.

Vale lembrar ainda que toda contribuição é importante! Isso pois o projeto só obtém êxito caso a meta mínima seja atingida (caso contrário as contribuições são devolvidas 😬).

www.benfeitoria.com/geovanabrilhasol

Por isso, liderança, tá esperando o quê?

Chegue junto e faça parte dessa história de valorização da cultura e música popular!

Clique aqui e participe 👉🏿 www.benfeitoria.com/geovanabrilhasol

Dúvidas, mais informações e contato através dos canais:
osindicatodosamba@gmail.com
(11)981875728

 

10 motivos para participar do novo disco da Geovana

Novo disco da Deusa Negra do Samba Rock, a cantora e compositora Geovana, precisa obter êxito no financiamento coletivo para ser viabilizado. Campanha vai até o dia 11 de abril. Participe!

Coletivo Sindicato do Samba articula projeto que traz a cantora e compositora Geovana de volta à cena após mais de 30 anos afastada.

A gravação do novo CD, que irá reunir músicas inéditas e se chamará “Brilha Sol”, depende do sucesso do financiamento coletivo. Por isso, listamos abaixo 10 motivos para você participar desse projeto! Confira:

1. Valorização da Cultura Brasileira

Ao participar do projeto, você também está, diretamente, participando de um processo de valorização da cultura e da música popular brasileira!

2. Fortalecimento do Samba e do Samba Rock

Além de endossar a valorização da cultura brasileira, sua participação também auxilia no fortalecimento do Samba e do Samba Rock, movimentos dos quais a Geovana é uma das principais referências.

3. CD autografado

Ao participar você não apenas garante seu CD, mas garante seu CD autografado pela própria Geovana! Um luxo!

4. Prendas Especiais

E tem mais! Além do CD autografado, você pode garantir camisetas e canecas personalizadas com o lema do projeto, quadros especiais e até ingressos para o show de lançamento do disco, que tem previsão de acontecer ainda neste ano de 2019. Gostou?

5. Encontros incríveis

Um das recompensas maravilhosas do projeto é a possibilidade de passar um dia ao lado da Geovana e conhecer um pouco mais sobre essa grade artista que conviveu com nomes como Elis Regina, Silas de Oliveira, Pixinguinha e muitos outros bambas. Ah! E você ainda tem a possibilidade de acompanhar um dia de gravação! 😉

6. Viabilização de um projeto independente

O financiamento coletivo foi a única maneira que encontramos para viabilizar este projeto que entendemos ser de extrema importância. Logo, ao participar você também é peça fundamental na realização desse projeto, que não tem apoios ou patrocínios.

7. Junto com a corrente

Você pode participar com valores que variam de R$ 15 a RS 15.000. Ou seja, tem pra todos os bolsos! O grande lance é não ficar de fora da corrente de amigos e amigas. Afinal, juntos somos mais fortes! Sua participação faz a diferença! 🙂

8. Meta mínima

É sempre importante lembrar e explicar: o projeto só é bem sucedido caso a meta mínima seja atingida. Caso contrário, as contribuições são devolvidas aos benfeitores, o que, claro, não queremos e nem vamos deixar acontecer. Em suma, só tem CD se a campanha foi exitosa e, para isso, você tem que estar dentro da corrente!

9. Contribuir com um trabalho histórico

A gravação do disco “Brilha Sol” significa também o retorno da Geovana aos estúdios após mais de 30 anos afastada do mercado musical. Ou seja, um projeto histórico de resgate de umas das grandes compositoras da música popular brasileira. Prova disso é que Geovana já teve suas músicas gravadas por gente como Clara Nunes, Martinho da Vila, Wilson Simonal, Fundo de Quintal e muitos outros nomes!

10. A hora é agora

Geovana nasceu em 1947 e já está com 71 anos. Além disso, a campanha vai somente até o dia 11 de abril. Isto significa dizer que, caso não seja atingida a meta mínima, o projeto não irá acontecer e a Gegê já não é mais nenhuma menina. Ou seja, a hora é agora!

Não perca tempo! Clique aqui e participe!

 

Deusa Negra do Samba Rock, Geovana volta à cena

Coletivo Sindicato do Samba coordena financiamento coletivo para a gravação do novo disco da cantora e compositora Geovana, que ficou conhecida como Deusa Negra do Samba Rock nas décadas de 1970 e 80.

O projeto prevê o lançamento do disco “Brilha Sol”, que apresentará músicas autorais e inéditas da sambista que lançou seu último LP em 1988, mais de 30 anos atrás. Participe aqui!

Conhecida nas décadas de 1970 e 80 por seu talento como compositora, Maria Teresa Gomes nasceu na Tijuca, no Rio de Janeiro, no ano de 1948 e ficou conhecida artisticamente como Geovana.

Cresceu no Morro do Laboriaux, na Rocinha, e aprendeu com a família os toques do candomblé, seguindo no caminho da música e despontando como vencedora na Bienal do Samba com a música de sua autoria “Pisa nesse chão com força”, no ano de 1971.

Geovana ficou conhecida por ser “A Deusa Negra do Samba Rock” a partir do sucesso do seu primeiro LP, gravado em 1975, “Quem tem carinho me leva” (imagem abaixo). Ao longo da sua trajetória, a artista teve músicas gravadas por nomes importantes como, por exemplo, Clara Nunes, Wilson Simonal e Martinho da Vila e participou de importantes momentos históricos como os encontros e apresentações do Teatro Opinião, no Rio de Janeiro, no final da década de 1960.

É de sua autoria clássicos do cancioneiro popular como “Irene”, canção que ganhou fama na interpretação do conjunto Fundo de Quintal, e “Beijo Sabor Cerejeira”, um clássico do samba-rock, do qual Geovana se tornou uma referência, assim como do partido alto, subgênero do samba.

Após a gravação do seu segundo trabalho solo, em 1987, Geovana caiu no esquecimento e ostracismo. No início dos anos 2000, a cantora mudou-se para São Paulo, onde começou a trabalhar como segurança numa casa noturna no centro da cidade.

Foi neste período que a compositora restabeleceu laços e se aproximou do Batalhão da Vagabundagem, movimento de samba paulistano, e também do Coletivo Sindicato do Samba, grupo que iniciou um processo de reestruturação pessoal e da carreira de Geovana.

Brilha Sol

Geovana nunca deixou de compor. Dessa maneira, após mais de 30 anos longe dos estúdios e com 70 anos de vida, a compositora tinha (e tem!) muita coisa para mostrar. E é justamente desse processo que nasceu o projeto Brilha Sol, que reúne músicas inéditas e tem previsão para lançamento em junho de 2019, quando a cantora celebra aniversário.

O trabalho contará com o apoio dos músicos do Conjunto Tataruê, grupo que acompanha Geovana nos últimos anos, e também terá participações especiais de nomes consagrados e importantes da música brasileira como: Adelzon Alves, Fabiana Cozza, Luiz Grande, Curumin e outras surpresas.

Financiamento Coletivo

Por ser um trabalho independente e sem nenhum tipo de apoio, o projeto “Brilha Sol” viu no modelo de financiamento coletivo a saída para concretizar e realizar a gravação do novo CD da cantora e compositora Geovana. Para quem ainda não conhece, essa prática é bastante comum para viabilizar e tirar do papel projetos fundamentais para nossa cultura e funciona de maneira bem simples.

Para participar, basta escolhar uma das opções que melhor te atenda (coluna à direita). Cada uma delas oferece um pacote de contra-partidas, com presentes, prendas e experiências únicas e especiais. Tem opção para todos bolsos! Mas lembre-se: o mais importante de tudo é que, nesse processo, somos todos um só e só não vale ficar fora da corrente. Vamos juntos!

Ah! Vale lembrar que a campanha só é bem sucedida caso a meta mínima seja atingida. Caso contrário, todo valor arrecadado é devolvido aos benfeitores e benfeitoras. Mas, claro, não vamos deixar isso acontecer, né? Vamos participar, contribuir, avisar os amigos e amigas e compartilhar nas nossas redes!

Acesse: https://benfeitoria.com/GeovanaBrilhaSol e vire um benfeitor ou benfeitora! Vamos construir esta história juntos! 🙂

 

Encontro de Bambas reúne Aluísio Machado e Geovana no Baródromo

Coletivo Sindicato do Samba estreia “Encontro de Bambas”, projeto que reunirá compositores e sambistas, baluartes da cultura popular, em eventos no Baródromo, reduto do samba na Lapa. A primeira roda será no sábado do dia 29 de setembro e contará com as participações especiais de Aluísio Machado e Geovana.

No sábado do dia 29 de setembro já tá e você tá junto com a gente! 😉

O Coletivo Sindicato do Samba estreia temporada do “Encontro de Bambas”, projeto que irá reunir baluartes e mestres do samba no Baródromo, tradicional casa da Lapa, região central da cidade do Rio de Janeiro.

O evento marca a primeira roda do Coletivo no Quintal do Baródromo e contará com as participações especiais dos bambas Alúsio Machado e Geovana, autores de sucessos da história da música popular brasileira.

No repertório preparado: além de sambas consagrados e autoras, histórias do compositor Beto sem Braço, dos encontros no Teatro Opinião, além de homenagens a Wilson Moreira, Luiz Grande e Wilson Moreira, mestres do Sindicato que nos deixaram nos últimos anos.


Aluísio Machado

003679-aloisio-machado
Bamba Aluísio Machado é um dos convidados do Coletivo Sindicato do Samba.

Aos 79 anos, o compositor e cantor Aluísio Machado coleciona sucessos na carreira. É autor de sambas-enredo históricos da sua escola, o Império Serrano, sendo o principal vencedor na história da agremiação que é um das mais importantes da história do samba e que contou com a presença de bambas ilustres como Silas de Oliveira, Mano Décio da Viola e Dona Ivone Lara.

Aliás, Aluísio é um dos personagens e baluartes da Velha Guarda do Império. Parceiro de Beto sem Braço e Arlindo Cruz,  o sambista foi gravado por nomes como Roberto Ribeiro, Zeca Pagodinho e Martinho da Vila, em músicas consagradas como “Minha Filosofia”, “Humanidade” e “Efeitos da Evolução”.


Geovana

GeovanaIII_Mariana_Caldas_ColetivoSindicatodoSamba
Madrinha do Coletivo, Geovana será umas das participações especiais! (Foto: Mariana Caldas de Oliveira/Coletivo Sindicato do Samba)

Aos 70 anos, a compositora e cantora Geovana despontou no final da década de 1960, quando ganhou a Bienal de Música de São Paulo, com a música “Pisa nesse chão com força”.

A sambista, rainha do partido alto, conviveu com nomes como Elis Regina, João da Baiana e Pixinguinha e participou de movimentos importantes da história do país, como os encontros no Teatro Opinião.

Seus dois trabalhos solo fizeram sucesso absoluto e renderam a Geovana o rótulo de “Deusa Negra do Samba-Rock”, principalmente devido à beleza de canções como “Beijo Sabor Cerejeira” e “Quem tem carinho me leva”.


Coletivo Sindicato do Samba

Formado por músicos, jornalistas, produtores, pesquisadores e amantes da música popular brasileira de vários estados do Brasil, o Coletivo Sindicato do Samba luta pela valorização em vida dos mestres e mestras da nossa Cultura Popular, sobretudo, do gênero mais tradicional do país: o samba.

O movimento já acompanhou nomes como Wilson das Neves, Luiz Grande, Monarco, Nelson Rufino e Áurea Martins, e desenvolve projetos ao lado de bambas como Nelson Sargento, Tantinho da Mangueira e Edil Pacheco.  Além disso, o Coletivo auxilia na reestruturação do Centro Cultural Solar Wilson Moreira, importante local de resistência da nossa cultura, na cidade do Rio de Janeiro.


Encontro de Bambas no Quintal do Baródromo
Aluísio Machado e Geovana na roda do Coletivo Sindicato do Samba
29 de setembro | sábado | 12 horas
Entrada: R$ 10
Baródromo | Rua do Lavradio, 163 – Lapa – Rio de Janeiro (RJ)
Informações: osindicatodosamba@gmail.com

 

 

 

Flores em Vida: Geovana é a próxima convidada do Coletivo

Dando continuidade ao projeto “Flores em Vida”, que presta homenagem e visita a obra de grandes mestres e mestras do samba e da nossa cultura popular, o Coletivo Sindicato do Samba tem o prazer de receber a cantora e compositora Geovana na próxima roda, dia 30 de setembro.

Nosso templo sagrado, o tradicional Centro Cultural Solar Wilson Moreira, será palco de um encontro especial e histórico no domingo do dia 30 de setembro. E você, claro, vem com a gente.

Teremos a honra de receber a cantora e compositora, Geovana, sambista que regressa a sua cidade de origem (Rio de Janeiro) para uma agenda de apresentações organizadas pelo Coletivo Sindicato do Samba.

Daquele jeito, sempre com muita amizade e respeito: a partir das 13 horas e com entrada gratuita (há uma contribuição voluntária e consciente para a manutenção do projeto e espaço).

Vale lembrar que durante nosso evento temos um cardápio preparado carinhosa e especialmente pelo Santo Gengibre, além de rifas e prêmios que auxiliam no processo de reestruturação do Solar.


Geovana

Aos 70 anos, a compositora e cantora Geovana despontou no final da década de 1960, quando ganhou a Bienal de Música de São Paulo, com a música “Pisa nesse chão com força”.

A sambista conviveu com nomes como Elis Regina, João da Baiana e Pixinguinha e participou de movimentos importantes da história do país, como os encontros no Teatro Opinião.

Seus dois trabalhos solo fizeram sucesso absoluto e renderam a Geovana o rótulo de “A Deusa Negra do Samba Rock”, graças a beleza de canções como “Beijo Sabor Cerejeira” e “Quem tem Carinho me leva”.


Geovana na roda do Coletivo Sindicato do Samba | Pisa nesse chão com força, ô Sinhá
30 de Setembro | domingo | a partir das 13 horas

Centro Cultural Solar Wilson Moreira
Rua Barão de Ubá, 46 – Praça da Bandeira (RJ)
Entrada Gratuita

Mais informações e curiosidades sobre a Geovana no evento no Facebook 👉 http://bit.ly/GeovanaeColetivoSindicatodoSambanoSolar

 

 

Geovana e Coletivo se apresentam no quintal do Sesc Ipiranga

Foi um dia mágico e muito bonito, tarde incrível! Foi assim a apresentação da cantora e compositora Geovana ao lado do Coletivo Sindicato do Samba no feriado de 9 de julho, em São Paulo. Um agradecimento a todos e todas que chegaram junto! E também à toda equipe do Sesc, nota mil!

Geovana e Coletivo se apresentam na Casa Barbosa, em São Paulo

Coletivo Sindicato do Samba acompanha a cantora e compositora Geovana, em apresentação na Casa Barbosa, no sábado do dia 3 de março. 

“Maria Tereza Gomas, mais conhecida pelo nome artístico Geovana, é protagonista de uma trajetória ímpar no contexto do samba” inicia a reportagem especial do Samba em Rede.

Não há dúvida da grandeza do talento de Maria Tereza. Nascida em 1948, no Rio de Janeiro, Geovana é autora de sucessos da música popular brasileira, como “Irene” e “Pisa nesse chão com força” e personagem ativa de diversos momentos importantes da cultura, tal qual as noites no Teatro Opinião, no final da década de 1960.

Por isso, é com alegria do tamanho da lua que vamos acompanhar essa grande compositora no sábado do dia 3 de março, às 19 horas, na Casa Barbosa, em São Paulo.  E, claro, você vem com a gente! Confirme presença no evento no Facebook e convide os amigos e amigas!

O time de músicos do Coletivo será formado por: Camilo Árabe (Flauta e Voz), Diego Mundão (Percussão e Voz), Fernando Matoso (Violão de 7 cordas e Voz), Guilherme Lacerda (Cavaquinho e Voz) e Washington Aniceto (Percussão e Voz). Isso sem falar das canjas e participações especiais que prometem!

Serviço

Geovana e Coletivo Sindicato do Samba na Casa Barbosa

Abertura da casa: 16 horas
Horário da apresentação: 19 horas

Casa Barbosa | Rua Rui Barbosa, 559 – Bixiga – São Paulo.

Pisa nesse chão com força: flores em vida para Geovana

O Sindicato do Samba apresenta a nossa dinda: Geovana!

No dia 9 de julho, o Coletivo Sindicato do Samba apresentou “Pisa Nesse Chão com Força, ô Sinha”, uma homenagem a essa compositora incrível, conhecida por ser a Deusa Negra do samba rock. A nossa querida e talentosa Olivia Nachle registrou esse dia especial! Dá uma olhada! 🙂

Primeiramente:

13692853_639208232920915_6295588127199233912_o

Geovana cantou várias de suas composições como “Irene” e “Amor dos Outros”:

13691091_639209586254113_5216176356867199562_o

13692826_639208126254259_911873697084237095_o

13735067_639208196254252_8324992912354326778_o

13692965_639209526254119_5330706673708919855_o

Mestre Toinho Melodia também participou da festa!

13615298_639209209587484_266485268105919262_n

13717382_639208942920844_6135453483107403263_o

13767191_639208989587506_6875931565739611870_o

13731958_639219646253107_4796621544475139819_o

13735700_639209166254155_3701034702702569391_o

13737499_639208469587558_7051850758229214919_o

13698206_639208636254208_2721226873670354034_o

13669758_639208486254223_8092575775281424819_n

13738262_639208392920899_6637067623428341690_o

 

Quem quiser conhecer mais sobre a vida e obra da Geovana, pode escutar o programa “O Samba pede passagem” que entrevisotu a compositora: